Eduardo Leite anuncia o secretário da Fazenda

0
Foto: Divulgação

Marco Aurélio Santos Cardoso, 43 anos, será o secretário da Fazenda a partir de 1º de janeiro de 2019. O governador eleito Eduardo Leite (PSDB) fez o anúncio nesta quinta-feira (22), após o encontro com os prefeitos gaúchos na Famurs, por meio de uma live na página do tucano no Facebook.
Eduardo garantiu total confiança no trabalho de Cardoso, a quem se referiu como um profissional jovem, mas com muita experiência profissional. “Chegamos a um nome que temos a segurança que vai dar ao nosso Estado a condição de conduzir a política fiscal, tanto nas receitas quanto no controle das despesas, e todo o ajuste das contas do Estado para entregar melhores serviços à população”, detalhou.
O nome é o primeiro a ser anunciado por Eduardo Leite. Atualmente, a equipe de transição está em contato com o Palácio Piratini para recolher as informações do atual governo e montar uma estrutura capaz de dar agilidade à gestão pública, alavancar o desenvolvimento gaúcho e enfrentar a crise financeira. “Estamos preparando nosso avião para decolar, mas esse momento de transição é quando preparamos a decolagem e, portanto, temos que usar a pista toda com responsabilidade, serenidade, construindo o melhor modelo de governo, governança, e buscando as melhores pessoas para constituir essa equipe. Vamos formar um time que vai entregar muitos resultados para o RS nos próximos anos”, afirmou Eduardo.

Quem é Marco Aurélio Santos Cardoso
Economista, Cardoso é Superintendente de Crédito do BNDES desde novembro de 2016. Concursado desde 2003 na instituição, foi responsável por diversas operações de mercado de capitais do Banco na área de renda fixa. Em 2009, chefiou o Departamento de Mercado Internacional da entidade.
De 2009 a 2016, esteve cedido à Prefeitura do Rio de Janeiro, onde ocupou os cargos de Secretário Municipal de Fazenda (2012-2016) e Subsecretário do Tesouro Municipal (2009-2012).
Com graduação e Mestrado pela UFRJ e especialização em Finanças pela Thunderbird School of Global Management (EUA), trabalhou também por nove anos no setor privado, em áreas financeiras da Alcan, Arthur Andersen e Banco BBM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here