Everton tem ótimo retrospecto contra paraguaios

Quando a bola rolar para Brasil x Paraguai, nesta quinta-feira, na Arena do Grêmio, valendo vaga nas semifinais da Copa América, poucos se sentirão tão em casa quanto Everton. Revelado pelo Tricolor, o atacante de 23 anos estará literalmente em seu habitat natural. Mais que isso: terá pela frente um adversário de sotaque conhecido.

Campeão da Libertadores em 2017 e 4º maior artilheiro do time gaúcho na história da competição continental, com 9 gols, Cebolinha tem um ótimo retrospecto contra equipes paraguaias. Em seis duelos até hoje, o atacante deixou o gramado vitorioso em três oportunidades, empatando outras duas e sendo derrotado uma única vez.

De quebra, o jogador ainda marcou quatro gols: dois na goleada por 5 a 0 sobre o Cerro Porteño, em 2018, e outros dois sobre o Libertad, no triunfo por 2 a 0 já nesta temporada.

Apesar do histórico positivo contra o adversário das quartas de final, Everton terá um tabu a ser quebrado pela frente: nunca estufou as redes de Gatito Fernandez, goleiro do Botafogo e do Paraguai. Em quatro encontros entre os dois, todos por clubes, equilíbrio total, com uma vitória para cada lado e dois empates.

Fonte: Lance

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios