JR entrevista a pré-candidata a prefeitura de Tapes, Evania Nunes (PTB)

Com o apoio de pelos menos quatro partidos e com o desafio de ser a primeira mulher pré-candidata a prefeitura de Tapes, a atual vereadora Evania Nunes de Lima, 48 anos, afirmou em entrevista ao jornal Regional que um dos seus primeiros objetivos, se caso vença o pleito deste ano, será de promover uma reforma administrativa no Poder Municipal. Ela também falou de temas polêmicos como o uso de diárias e a CPI do Georreferenciamento. Com 16 anos de vida pública, Evania está no seu segundo mandato como vereadora, sendo que em outras duas oportunidades ficou de suplente. O diretório municipal dos pré-candidatos, Evania Nunes e Rafael Fernandes (PSB), está localizado na Avenida Assis Brasil, próximo ao Posto Freeiol. A reuniões acontecem toda as quintas-feiras, a partir das 21hs.

Regional – O que PTB pretende fazer para quebrar a hegemonia dos partidos maiores no revezamento do comando da administração municipal em Tapes?
Evania – O projeto que estamos construindo não é só do PTB, mas sim dos cinco partidos hoje unidos, junto com a população tapense que está nos ajudando a criar este plano de governo. Em primeira mão nós queremos fazer uma reforma administrativa.

Regional – O que fazer para mudar o histórico político de Tapes que nunca elegeu uma mulher como prefeita?
Evania – Em primeiro lugar nós temos que passar as pessoas confiança. Mostrar para que viemos, o que queremos, e por que aqui estamos. Que as pessoas tenham confiança em votar em uma mulher, em saber que uma mulher tem condições como qualquer outra pessoa. Enfim, é isso que nós queremos passar confiança e mostrar sempre o nosso trabalho.

Regional – Que propostas a senhora tem para melhorar a administração municipal e como seria possível executá-las, considerando a atual crise econômica?
Evania – Partindo de uma reforma administrativa que pretendemos fazer logo no início, o nosso plano de governo que está sendo elaborado entre os partidos componentes do suprapartidário, juntamente com pessoas da nossa comunidade e o povo que está sendo convidado para os seminários que estão construindo este partido, ou seja, partindo daí vamos contemplar tudo o que está sendo necessário.

Regional – Por que a senhora liderou a CPI do Georreferenciamento?
Evania – Por não aceitar, por saber que o secretário Claudio Borba estava errado em fazer todo o processo sem licitação, por ele ter contratado uma empresa que não estava preparada para realizar o trabalho, e por fim, em saber que o nosso povo e nossa gente sofreriam mais tarde as consequências.

Regional – O que aconteceu com a CPI do Georreferenciamento?
Evania – Desde o início o executivo tentou embargar a CPI, e chegando quase na etapa final o poder judiciário trancou tudo, sendo que fomos intimados e proibidos até hoje de prosseguir com a CPI. Inclusive eu fui notificada de ser processada judicialmente por desobediência caso seguisse com a CPI. Até hoje a Câmara não foi notificada pelo judiciário favoravelmente em dar continuidade a comissão.

Regional – Como a senhora avalia seu mandato nesta legislatura?
Evania – Feliz, pelas conquistas. Hoje, eu sou uma pessoa respeitada em minha comunidade. A minha assinatura consta nas principais coisas boas que aconteceram em Tapes nos últimos anos. Minha luta está presente nas principais obras que a cidade teve, como as emendas parlamentares conquistadas em Brasília, o retorno do CRVA, a obra da ERS 717, a obra da escola Patrício Vieira, o plantão 24hs de farmácia, foram inúmeras audiências públicas que pedi que possibilitaram várias vitórias, a exemplo, para os funcionários do hospital, para as mães das crianças das creches, para os donos de oficinas mecânicas, para a segurança pública, professores, tivemos audiência que falou sobre drogas. Foram mais de 300 pedidos de providências para todas as localidades, entidades e contribuintes de Tapes, além de mais de 200 pedidos de informações. Enfim, foram vários serviços que hoje vão compor nosso currículo.

Regional – Como a senhora vai lidar com o caso do uso excessivo de diárias em seu mandato, quando subir ao palanque como candidata a prefeita?
Evania- Em primeiro lugar não teve uso excessivo (…), o que existe são as despesas pagas de quem trabalhou e lutou saindo em busca das coisas. Entre todas as conquistas tem seiscentos mil reais que eu conquistei, as quais somadas com as conquistas de outros vereadores chegam a um milhão e meio de emendas. Portanto, meu mandato eu paguei com minhas conquistas e vitórias, pois se eu não saísse de Tapes não conseguiria obra pra RS, obra pra escola Patrício, plantão 24hs de farmácia, entre outros. Nós precisamos nos mexer e nada que seja mais justo de termos pagas as nossas despesas.

Regional – De fato poucas destas emendas saíram do papel?
Evania – Acredito que muita coisa foi trancada pela burocracia. Tanto na prefeitura, quanto no Ministério das Cidades. Mas, estamos agora para dar início a duas emendas que vão servir para calçamento da Avenida Getúlio Vargas e da Rua Professor Luís Vieira, sendo que o projeto vem sendo desenvolvido há dois anos e meio.

Regional – Seu partido já tem apoio consolidado de outras siglas nesta corrida eleitoral?
Evania – Hoje, temos consolidado a união que chamamos de suprapartidária, entre os partidos PTB, PSB, PT, PC do B, e PRB. Devemos ter como pré-candidato o meu nome a prefeitura e de meu vice Rafael Fernandes (PSB).

Regional – Qual será o seu estilo de campanha eleitoral?
Evania – Primeiramente queremos uma campanha pacifica e honesta, para falarmos bem do nosso trabalho, de tudo o que já fizemos por Tapes e o que pretendemos fazer para mudar a situação de nossa cidade. Todos sabem, somos humildes, mas carregamos uma grande vontade de fazer Tapes prosperar. Contamos que o povo não se deixe levar por campanha milionárias e compra de votos, mas sim, por um projeto que nos trará a maior riqueza que precisamos, a tranquilidade e o bem estar de nossa gente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios