AgriculturaMais Notícias

Oliveira Picual é uma das cultivares recomendadas pela pesquisa à região Sul

Há mais de dez anos a Embrapa Clima Temperado (Pelotas, RS) desenvolve pesquisas relacionadas à olivicultura e fomenta o desenvolvimento da cadeia produtiva das oliveiras no Rio Grande do Sul. Entre os trabalhos realizados pela equipe foram realizados pomares de oliveiras na área experimental da Sede da Unidade, onde materiais são testados e adaptados às condições da Metade Sul do Estado. Um dos materiais que faz parte das avaliações agronômicas é a cultivar de oliveira Picual.

A cultivar de oliveira Picual possui ciclo precoce e é destinada para a produção de azeite, devido a sua adaptação em diferentes condições de clima e solo. A planta apresenta um fruto de peso médio (2 a 4g) e sua maturação ocorre desde março até o inicio de abril.

A equipe de pesquisa também se dedica à Produção Integrada (PI) ao utilizar um sistema baseado em boas práticas agropecuárias, esse sistema garante alimentos mais seguros, com bom rendimento e qualidade do azeite, principalmente para o consumo humano. Essas características são encontradas na variedade Picual, ela possui elevada produção de azeite (≥ 16%) e alto índice de estabilidade (podendo ser armazenado por aproximadamente 12 meses).

O azeite obtido através dessa variedade possui sabor doce a suave, picante e ao mesmo tempo agradável, excelência potência aromática com notas de erva verde recentemente cortada e fruta madura, sendo indicado para pratos marinados e crus, e também para cozinhar, pois traz aos alimentos notáveis sensações culinárias.

A cultivar Picual faz parte da cadeia produtiva da olivicultura, que se consolidou como uma alternativa para diversificação da matriz produtiva agrícola da região. A Embrapa Clima Temperado estará participando da 8ª Abertura Oficial da Colheita da Oliva no Rio Grande do Sul, atividade que marca o início da colheita, que se realiza no município de Formigueiro/RS, neste dia 15 de março.

Fonte: Embrapa Clima Temperado

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios