Salário mínimo sofre reajuste menor que o previsto

0

O decreto assinado pelo presidente Michel Temer e publicado em edição extra do Diário Oficial, nesta sexta-feira, 29 de dezembro, reajustou o salário mínimo de R$ 937,00 para R$ 954,00.
O novo salário, que valerá a partir de 1º de janeiro, foi reajustado em 1,81%, conforme previsão do Índice de Preços ao Consumidor (INPC). Ainda pelo decreto o valor diário do salário mínimo corresponderá a R$ 31,80 e o valor da hora trabalhada será de R$ 4,34.
O reajuste foi menor do que o índice de inflação e também inferior ao que estava previsto para o orçamento de 2018. Em outubro as projeções apontavam um aumento de 2,9% que elevaria o valor para R$ 965,00.
A diferença, de acordo com o governo, deverá gerar uma economia de R$ 3,4 bilhões, já que o salário mínimo é referência para o pagamento de aposentadorias e benefícios sociais.
Líderes de oposição criticaram o reajuste classificando a medida como “mais um golpe”, comparando, por exemplo, os aumentos de 25% na gasolina e 20% no gás no último ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here