21 de abril: o feriado que marca a morte de Tiradentes

Joaquim José da Silva Xavier foi símbolo da Inconfidência Mineira, revolta organizada contra a Coroa portuguesa

O feriado de 21 de abril é dedicado à memória de Joaquim José da Silva Xavier, mais conhecido como Tiradentes. O mártir da Inconfidência Mineira foi enforcado nesta mesma data, no ano de 1792, por traição à coroa portuguesa.

Após sua morte, o corpo de Tiradentes foi esquartejado. Sua cabeça foi erguida em um poste, em praça pública, de onde foi roubada e nunca mais localizada. O restante de seu corpo foi distribuído ao longo do Caminho Novo, uma das estradas reais que ligava o Rio de Janeiro a Minas Gerais.

Inconfidência Mineira

A Inconfidência Mineira é a maneira como ficou conhecida a revolta de caráter separatista, organizada na capitania de Minas Gerais, contra o domínio português. A Conjuração Mineira, como também é chamada, foi contida pela Coroa portuguesa em 1789, antes que pudesse ser iniciada.

Organizada pela elite socioeconômica de Minas Gerais, a revolta foi originada pela insatisfação com a política fiscal aplicada por Portugal. Ainda, os participantes do movimento buscavam outros objetivos, como a separação de Minas Gerais e a transformação do estado mineiro em uma República.

Cerimônia da Inconfidência

A cerimônia do Dia da Inconfidência de 2022, realizada tradicionalmente em Outro Preto (MG), não contará com a presença do público. Em 2020 e 2021, o governo mineiro suspendeu o ato por conta da pandemia de covid-19. Este ano, as atividades serão retomadas, contudo, devido às restrições sanitárias, não haverá participação da comunidade.

Em decisão, o governo de Minas Gerais limitou-se a realizar uma cerimônia apenas com a presença de autoridades e convidados. Receberão a Medalha da Inconfidência médicos, políticos, militares e desembargadores. 

Entretanto, de acordo com o governo do estado, apesar da homenagem agendada para esta quinta-feira (21), as medalhas físicas só serão entregues em outro momento. A ocasião para entrega das medalhas ainda não foi informada.

Patrono cívico da nação

Apesar de ter morrido como traidor do Brasil, Tiradentes foi considerado, anos mais tarde, herói. Joaquim José da Silva Xavier foi declarado patrono cívico da nação brasileira em dezembro de 1965, por meio da publicação da Lei nº 4.897. Tiradentes é o único brasileiro que tem a data da sua morte marcada como feriado nacional.

POLÍCIA

Acidente com vítima fatal na ERS 350 em Chuvisca

Motociclista veio a óbito ainda no local No final da manhã desta quinta-feira (26), um acidente de trânsito grave envolvendo um automóvel Ford Ka Vermelho...

Policia Civil recupera, em Guaíba, carga roubada de Canoas

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão ao Roubo e Furto de Cargas (DRFC), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), sob...

Operação policial desarticula quadrilha que atacou carro forte em Guaíba

Na manhã desta quarta-feira (25), a Polícia Civil, por intermédio da 1ª Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos (1ª DR), do Departamento Estadual...