A quarta-feira, 20 de janeiro de 2021, deverá ficar marcada na história dos camaquenses pelo início vacinação contra o Covid-19, a partida chegada na cidade da CoronaVac.

Para celebrar este momento foi realizada nesta manhã uma cerimônia para a aplicação das primeiras doses da vacina quando foram vacinados dois profissionais da saúde e um indígena.

Estavam presentes, o prefeito municipal Ivo de Lima Ferreira, o vice-prefeito, Abner Dillmann, o secretário da Saúde, Renato Sanhudo e o coordenador da Vigilância em Saúde, Fabiano Martins, além de profissionais da área da saúde que realizaram a vacinação.

Segundo o prefeito Ivo, este momento é especial para Camaquã, pois devido às incessantes lutas em busca de uma solução que viesse a combater esta pandemia, a vacina chegou, tornando-se uma realidade.

“O que importa para nós é a vida. Uma nova fase na área da saúde está iniciando hoje.  Esperança é a palavra certa para este momento”, considerou o prefeito.

Após a cerimônia, servidores da secretaria já começaram a mobilização par levar as vacinas aos grupos priorizados pelo Ministério da Saúde, beneficiando profissionais da saúde, idosos de Instituições de Longa Permanência (ILPI) e indígenas.

Os vacinados

Na ocasião receberam a vacina Zélio Huber Martins, funcionário público a 13 anos, que é técnico em enfermagem, condutor do SAMU e trabalha também na UTI do hospital Nossa Senhora Aparecida, Thayline Mattos Centeno, enfermeira e coordenadora da unidade Covid do hospital e o indígena, João Batista, cacique da aldeia Flor da Serra, da localidade do Bonito.

A secretaria da Saúde destacou que a equipe de vacinadores não deve utilizar luvas para a aplicação das vacinas por questão da impossibilidade de desinfecção do material e que a higienização das mãos será feita com álcool em gel.

Doses

O município de Camaquã recebeu ao final do dia desta terça-feira (19), a quantidade de 669 doses da vacina, as quais foram distribuídas entre os grupos determinados pelo Ministério da Saúde. A segunda dose será distribuída posteriormente pela Secretaria de Saúde do Estado.

Fonte e fotos: Ascom Pref. Mun. Camaquã | Edição: Portal ClicR