Caçadores de alienígenas afirmam encontrar novas evidências de OVNIs

Grupo liderado por Tom DeLonge revelou ter encontrado um objeto desconhecido que pode pertencer a uma espaçonave alienígena

No final do mês de julho de 2019, um grupo de caçadores de OVNIs “To The Stars Academy of Arts and Science”, liderado pelo ex-vocalista da banda punk Blink-182, Tom DeLonge, afirmou ter encontrado novas evidências de objetos voadores não identificados. A equipe divulgou no mês de julho, três vídeos que mostram OVNIs circulando o espaço aéreo da Terra, cuja veracidade foi comprovada pela marinha norte-americana.

A estrutura e a composição desses materiais não são de nenhuma aplicação militar ou comercial existente conhecida

A conta oficial do grupo no Twitter escreveu que os pesquisadores adquiriram “materiais potencialmente exóticos com propriedades que não são de nenhuma aplicação militar ou comercial existente conhecida”. Diferentemente dos vídeos divulgados, a equipe ainda não forneceu provas que comprovassem que o material pertence à outra civilização.

“A estrutura e a composição desses materiais não são de nenhuma aplicação militar ou comercial existente conhecida”, disse o COO Steve Justice. “Estamos focando em fatos verificáveis e trabalhando para desenvolver provas científicas independentes das propriedades e atributos dos materiais”.

“O que estamos fazendo é tentar encontrar as pessoas mais qualificadas nas instituições mais respeitáveis para conduzir análises científicas”, afirmou ao Times Luis Elizondo, diretor de segurança global e programas especiais do grupo de DeLonge. “Essa análise científica inclui análise física, molecular, química e nuclear”. Elizondo disse que a equipe não tem pressa em divulgar a pesquisa.

O diretor de segurança global e programas especiais atribuiu a cautela na divulgação da origem do objeto ao fato do grupo não querer tirar conclusões precipitadas. Segundo ele, “os dados decidirão se (o objeto) é de fato alguma coisa ou não”. Além do utensílio recém-descoberto e dos vídeos divulgados, a equipe escreveu em maio relatórios de casos de pilotos da marinha dos Estados Unidos que encontraram alguns OVNIs entre 2014 e 2015.

Em diversas entrevistas, os pilotos descreveram objetos aparentemente estranhos que se movimentavam em velocidades hipersônicas, realizando atos “além dos limites físicos de uma tripulação humana”. O tenente Ryan Graves, piloto do F / A-18 Super Hornet, que está na marinha há 10 anos, disse ao The New York Times que “essas coisas estariam disponíveis o dia todo”.

Fonte: Fox News

Acima, uma imagem de um objeto voador não identificado, capturado por um piloto de jato militar em 14 de novembro de 2004. No início do dia, dois Super Hornets foram desviados do exercício e redirecionados para uma verdadeira missão na costa californiana. Quando os pilotos chegaram ao local designado, encontraram uma “nave bizarra” sobre a água: não tinha janelas, rodas ou superfícies planas. ‘Suave. Branco…. Não há rastro de fumaça. Parecia um gigante Tic Tac ”, disse um dos pilotos no próximo episódio de ‘Não identificado’, observando que o objeto voador não identificado tinha cerca de 10 metros. – Grande o suficiente para me assustar. Era tão irritante porque era tão imprevisível ‘

 O comandante aposentado da Marinha dos EUA David Fravor, outro dos pilotos que saíra naquele dia, também descreveu o objeto de forma oval como um Tic Tac, e branco sem asas ou rotores. “Essa coisa seria instantânea de uma maneira para outra, semelhante a se você jogasse uma bola de pingue-pongue contra uma parede”, disse ele no programa, observando que ela rapidamente se acelerava além de “qualquer coisa que eu já vi”. Depois que os pilotos encontraram o objeto de forma oval, eles retornaram ao USS Nimitz, um porta-aviões.

Informações extraídas de documentários da página do facebook do ex vocalista Tom DeLonge.

Artigos relacionados

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: