O dia amanheceu movimentado nesse 1° de março, no centro da cidade, com uma grande quantidade de jovens com mochilas nas costas em direção às escolas para participar do primeiro dia de aula do ano letivo 2018 no município.
A ansiedade e a alegria estavam estampadas nos rostos de muitos que contavam os minutos pra rever os amigos, pôr a conversa em dia e fazer planos para o novo período escolar.
Para o jovem Brayan Jobim, 12 anos, estudante da escola municipal Fortaleza, a expectativa era ver com quais colegas vai dividir a sala de aula neste ano, na sua estreia no sétimo ano. A torcida do garoto é que as “velhas” amizades permaneçam juntas para dar sequência na relação de parceria.
Já a professora Débora Garcia, iniciou seu trabalho com muito otimismo embalado pelos novos projetos que a escola pretende desenvolver no ano. “É maravilhoso ver os alunos cheios de expectativas e tenho certeza que esse ano nossos projetos irão fluir com máximo empenho. Sempre e bom começar e quando se tem propostas novas há maior interesse ainda”, destacou.

No colégio estadual Mem de Sá o primeiro dia teve atividade de boas vindas aos alunos, com música, pipoca, suco e um intervalo mais estendido, com o objetivo de promover a reintegração dos estudantes ao meio escolar.
A diretora Giovanini Pereira disse que a manhã foi de correria visitando as salas de aulas e organizando os primeiros passos da nova caminhada. Ela destacou que em 2018 terão muitas novidades na escola por conta das comemorações dos 80 anos.
“Recebemos muitos alunos neste primeiro dia e estamos fazendo de tudo pra que todos se sintam acolhidos. Durante o ano teremos inúmeras atividades para desenvolver na escola, principalmente relacionadas ao nosso aniversário”, concluiu.