Concurso para Delegado de Polícia recebe mais de 16 mil inscrições

As inscrições que ocorreram no período de 26 de fevereiro a 27 de março de 2018 receberam candidatos dos 26 Estados e do Distrito Federal.
Em uma reunião realizada na tarde desta quarta-feira (4), no Palácio da Polícia, a Polícia Civil recebeu os números preliminares de candidatos inscritos no concurso público de ingresso na carreira de Delegado de Polícia. Sob o nº 08/2018, o edital do concurso foi publicado no Diário Oficial do RS no dia 22 de fevereiro de 2018, para o provimento de 100 vagas.
Conforme a Fundatec, empresa que irá realizar as etapas da prova de capacitação intelectual e a avaliação da aptidão psicológica, 16.038 candidatos realizaram a inscrição. Dentre o número total de inscritos 39% são mulheres e 61% são homens. A idade média dos candidatos ao cargo é de 33,13 anos, sendo que a maioria dos candidatos (9.576) se encontra na faixa etária entre 26 e 35 anos de idade.
O concurso recebeu inscrições de candidatos residentes em todos os Estados do Brasil.
Após a prova de capacitação intelectual e a avaliação da aptidão psicológica, as demais fases ficarão a cargo da Academia de Polícia (Acadepol), através da Divisão de Recrutamento e Seleção (DRS/Acadepol). A aplicação da prova de capacitação intelectual será realizada no dia 20/05/2018. O edital prevê reserva de vagas para pessoas com deficiências e para pessoas negras ou pardas. A deficiência deve ser compatível com a atividade policial, o que será avaliado por uma Comissão Especial. Segundo informado em relatório emitido pela Fundatec, 15% dos candidatos se declararam negros e pardos e 2% dos candidatos declararam ser portadores de algum tipo de deficiência.
Esta edição do concurso apresenta algumas inovações no certame em comparação aos concursos anteriores, visando acompanhar os demais concursos para as carreiras policiais, além de buscar um perfil vocacionado, técnico e especializado. Foram acrescentadas provas de medicina legal e criminologia. Nos exames de saúde foi incluído o exame toxicológico. Outra novidade acontece na etapa dos exames físicos no qual o teste do dinamômetro foi substituído pelo exame de barra fixa. Por fim, para preencher os requisitos de investidura, o candidato deverá ter no mínimo de 3 (três) anos atividade jurídica ou policial.
O salário inicial está no valor de R$ 20.353,06 (vinte mil, trezentos e cinquenta e três reais com seis centavos).

POLÍCIA

Mulher é presa no município de Camaquã

Durante a tarde desta quarta-feira (18), agentes de segurança pública efetuaram a prisão preventiva de uma mulher em Camaquã. A operação ocorreu por meio...

Dupla é presa em Camaquã após roubo a estabelecimento comercial

Durante a noite desta segunda-feira (16), aproximadamente às 22h15, os agentes de segurança do 30º Batalhão de Polícia Militar (BPM) realizaram a prisão de...

Polícia investiga roubo de gado comandado de dentro da cadeia

Na tarde desta segunda-feira (16) a Polícia Civil através da Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrab) de Camaquã deu início...