A secretaria municipal da Saúde de Camaquã informou que recebeu no final da tarde desta última sexta-feira, 01 de março, a confirmação do primeiro caso de Chikungunya em moradora do município. A paciente apresentou os sintomas em dezembro do ano passado e a suspeita foi levantada e investigada pelo hospital Ernesto Dorneles de porto alegre, onde a mesma já realizava outros tratamentos de saúde.

Na época, o centro municipal de vigilância em saúde foi notificado sobre a suspeita e o programa de controle do Aedes realizou bloqueio de transmissão nas áreas onde a paciente reside, trabalha e estuda.

Com a confirmação do caso as equipes de vigilância em saúde do estado e do município investigam o possível local de transmissão da doença, ainda não sendo possível afirmar que esta tenha ocorrido próprio no município.

A secretaria de Saúde afirma que os agentes de endemias trabalham permanentemente em toda zona urbana em busca de possíveis focos dos mosquitos transmissores. Todas as medidas cabíveis estão sendo adotadas, no entanto, é de extrema importância que a população colabore recebendo estes profissionais, seguindo as suas orientações, e dedicando semanalmente 10 min do seu tempo para prevenção.

Havendo suspeita da presença de mosquitos ou de suas larvas a população deve requisitar uma vistoria pelo fone (51) 36718665.

A secretaria alerta ainda que procurem imediatamente a unidade básica de saúde mais próxima, caso que haja o surgimento dos sintomas abaixo descritos.

Fonte: Ascom Pref. Mun. Camaquã / Edição: Regional