O consumo de energia elétrica no Brasil em maio aumentou 12,4% ante o mesmo mês do ano passado, com vários setores da economia se adaptando durante a pandemia de Covid-19, que afetou fortemente a demanda em 2020, informou a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Ao avaliar o consumo nos 15 ramos de atividade econômica monitorados pela CCEE, todos registraram alta no mês de maio, com destaque para os setores têxteis (87%), seguido por veículos (84,4%) e serviços (38,4%).

O volume consumido no Brasil alcançou os 62.121 megawatts médios (MW med), sendo impulsionado pelo mercado livre, que teve alta de mais de 26% no período, enquanto no ambiente regulado (ACR) a alta foi de 6,2%.

Se desconsideradas as migrações entre ambientes, ou seja, expurgando o efeito das cargas que saíram do ambiente regulado para o livre, o ACR teria apresentado crescimento de 8,7%, enquanto o ACL aumentaria seu consumo em 20,6%.

Por Reuters