No Brasil, 2.973 animais já foram mortos por raios nos últimos 10 anos, segundo um estudo inédito do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

No país, os líderes do ranking são Mato Grosso, com 437 mortes por esse motivo, seguido de São Pauko, Mato Grosso do Sul e Tocantins, com 361, 358 e 249 perdas, respectivamente.

De acordo com a pesquisa, desde 2010, o prejuízo gerado por esse tipo de incidente já bateu os R$ 15 milhões.

Em muitos casos, mais de um animal morre por causa dos raios. Segundo o Inpe, isso acontece porque as tempestades despertam o instinto de defesa nos gados, o que os faz se reunirem próximos a um lugar disponível, seja uma árvore ou uma cerca, que são os pontos mais atingidos por raios.

Em 2018, em Cacoal, Rondônia, 103 animais foram mortos por um único raio.

Para evitar este tipo de problema, o recomendado aos criadores é colocar um metal a cada cem metros para servir como para-raios.

 

Por G1