Nesta sexta-feira (12), às 20 horas inicia o lockdown em Camaquã e região, devido ao índice elevado de contágio do Covid-19, sendo assim, o Executivo Municipal, através dos setores de fiscalização esteve nesta semana na avenida Cônego Luiz Walter Hanquet, a Faixinha, com carro de som e presença dos agentes, para orientar as pessoas que praticam exercícios físicos.

Segundo o Procurador Chefe do Município, Fabiano Ribeiro, que anunciou na segunda-feira (08), que o Poder Executivo estaria reavaliado a situação da Faixinha até esta quinta-feira (11), para incluí-la ou não nas interdições juntamente com os demais parques e praças da cidade, observando a adesão ao uso obrigatório de máscara e grau de aglomeração durante a prática dos exercícios físicos.

Durante esta semana às ações de conscientização foram tomadas para tentar sensibilizar a comunidade, analisando que, o efeito não foi o esperado e paralelamente os números de contaminação que ainda seguem expressivos, conjunto de fatos que levaram a decisão de interditar este espaço durante o período do Lockdown para reforçar os efeitos desta parada de três dias. A fiscalização estará atuando neste período na Faixinha, contando com a parceria dos Agentes de Trânsito, Brigada Militar, Polícia Cívil e Vigilância em Saúde, são apenas três dias! A orientação é para que todo o camaquense fique em casa em um esforço conjunto para que se chegue ao resultado esperado que é interromper o alto volume de contágio. Fique em casa!

*Ascom Prefeitura Municipal de Camaquã