Na manhã deste sábado a seleção brasileira confirmou o seu favoritismo e venceu a seleção do Egito pelo placar mínimo de 1×0.

O tento foi marcado pelo atacante Matheus Cunha aos 36 minutos da primeira etapa. O Brasil desde o início foi superior, mas esbarrou na forte marcação dos egípcios. Para o jogo de hoje Douglas Luiz retomou a sua titularidade após cumprir suspensão.

Próximo adversário

Para tentar repetir o feito de 2016 e chegar à final, o Brasil vai enfrentar na semifinal o México. Os mexicanos golearam a Coreia do Sul por 6 a 3.

O jogo está marcado para a próxima terça-feira (03), às 5h de Brasília. Na outra semifinal Japão e Espanha decidem a outra vaga para a grande final.