Com um futebol pobre ofensivamente, o tricolor gaúcho foi eliminado precocemente da Copa Sul Americana na noite da última terça-feira (20), em Porto Alegre.

Com a vantagem de poder empatar o jogo, por ter vencido a LDU no Equador, os comandados de Felipão eram amplos favoritos a avançar de fase, este favoritismo ficou ainda mais evidente quando Diego Souza abriu o marcador para o Grêmio em uma falha do goleiro.

Precisando virar o jogo a LDU que já pressionava passou a ocupar ainda mais o campo do Grêmio e no final da primeira etapa empatou a partida com Jordy Alcivar. A exemplo do primeiro jogo, o time gaúcho adotou uma postura muito defensiva, pouco ia ao ataque, com isso ameaçava muito pouco os equatorianos.

Aos 11 minutos do segundo tempo novamente Alcivar marcou, desta vez de pênalti, aliás o Grêmio reclamou muito da penalidade assinalada. Para o comentarista de arbitragem Diego Real da Rádio Grenal, o pênalti não existiu. Dioiri Vasconcelos comentarista de arbitragem da Rádio Gaúcha também disse no ar que a penalidade foi mal marcada.

Precisando de um gol para se classificar, o Grêmio tentou, mas não levou perigo ao goleiro da LDU, algumas modificações de Felipão foram feitas tardiamente, contudo, quando a equipe precisou propor o jogo não conseguiu.

Em entrevista no pós jogo, o meia Alisson disse que o time todo estava muito triste pela derrota, mas prometeu muito trabalho de todos os atletas para buscar novamente vitórias.