Uma camaquense procurou a DPPA de Camaquã para registrar que seu ex-companheiro, o qual ela possui uma MPU, tentou lhe agredir.

Segundo o registro do caso o agressor estava preso onde permaneceu por sete dias e foi solto conforme determinação judicial, entretanto nesta semana, ele já foi na casa dela, depois de descobrir seu novo endereço, onde por volta das 22 horas o agressor quebrou um vidro da janela tentando entrar na casa.

Segundo a vítima o agressor retornou ao local pela manhã e novamente na parte da tarde, quando invadiu a casa e tentou agredir ela, somente não conseguindo porque foi impedido por outra pessoa, momento em que a ameaçou de morte.