A aldeia indígena Tekoa Yvy’ã Poty, situada à margem da estrada do Bonito, no interior de Camaquã, está sendo alvo de vandalismo. A informação foi concedida pelos indígenas Cristiano Kuaray Souza e Luh Pará’i Rokaju Mirim Pereira, em publicações realizadas no Facebook.

Como reação às invasões, eles ameaçam trancar a estrada do Bonito. Umas das principais vias do interior de Camaquã já teria sido trancada na noite desta terça-feira (4), não fosse conversas com moradores locais, que teriam demovido os indígenas da ideia.

De acordo com a publicação de Luh Pará’i, está acontecendo vandalismo durante a noite: “os não indígena estão entrando sem permissão”. Segundo ela, “os guerreiros estão de prontidão esperando com arco e flecha”.

Fonte: Acústica FM