Por Betinho Vicente – Sertão Santana

Betinho Vicente

No ano de 1990, eu apenas um garoto de 22 anos de idade, resolvi fazer um campeonato Regional de futebol de campo. Preparei o regulamento e convidei algumas equipes de localidades vizinhas a Sertão Santana. A competição foi um sucesso, onde os cinco clubes puderam jogar partidas de ida e volta e contar com duas categorias de primeiro e segundo quadro. Como a arbitragem de fora teria um custo muito alto, o jeito foi passar a responsabilidade ao clube que estivesse de folga, onde ele teve que fazer a arbitragem da rodada. Nessa época eu defendia as cores do Grêmio do Sertão, e ainda me lembro e sinto saudades dos ótimos jogos onde os atletas não tinham tanto talento, mas tinham a garra e paixão por seus clubes. O ótimo campeonato levou famílias aos campos onde puderam ver e prestigiar seus filhos e amigos na competição Regional. Eu serei eternamente grato as pessoas dos clubes participantes que me ajudaram e contribuíram para que o I campeonato da Amizade Regional tivesse êxito.

 

 

 

 

Grêmio Campeão do II Quadro do I campeonato da Amizade Regional

Na categoria de segundo quadro, Grêmio e Tiririca fizeram dois grandes duelos, que terminaram empatados e só foi decidido na prorrogação, com vitória da equipe Sertanense que ficou campeã da categoria e pode fazer a festa com sua torcida.

União Campeão do I Quadro do I campeonato da Amizade Regional

Já na categoria principal de 1° quadro, o Grêmio União de Arroio Grande Barão do Triunfo, que foi a grande sensação da competição na primeira fase, enfrentou dificuldades na grande final ao encontrar uma forte equipe adversária. A equipe do União Cultural que nas finais teve que superar o adversário que era candidato ao título, fez duas partidas aguerridas e também contou com a ajuda de sua fanática e apaixonada torcida, que trouxe até a famosa banda Teifke para agitar e dar força aos seus atletas. Dessa maneira pode vencer os dois jogos e se tornar o grande campeão do I Campeonato da Amizade de futebol de campo.