Um registro na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Camaquã, nesta terça-feira, 2 de abril, evidenciou mais uma vez que a violência contra as mulheres é um fato que segue preocupando as autoridades e a sociedade em geral.

Uma mulher, vítima de violência doméstica, fez a queixa informando que foi agredida pelo seu ex-companheiro que a manteve em cárcere privado durante a noite da segunda-feira (01). Ela solicitou medidas protetivas para manter o homem afastado, com medo de novas agressões, pedido que foi atendido pela justiça, contudo no mesmo dia a mulher retornou a delegacia para denunciar novamente que o agressor havia descumprido a ordem e que estaria a seguindo pela rua.

A polícia não revelou detalhes do caso de modo a preservar a vítima e segue investigando.