Os prefeitos Joel Subda, de Chuvisca, e Tiago Szortyka (em exercício), de Dom Feliciano estiveram reunidos com o comando local da Brigada Militar na manhã de sexta-feira, 19 de fevereiro, para solicitar à corporação ações efetivas e emergenciais nos dois municípios visando coibir aglomerações e desordem recorrentes nos últimos dias, sobretudo durante as noites. A reivindicação, segundos gestores, vem ao encontro do esforço empenhado pelas administrações públicas em conter o avanço do novo coronavírus, além de garantir a paz e a segurança dos moradores.

Durante a reunião o 1º Tenente Edson Mateus Martins Lima, comandante do 4º Pelotão, situado em Dom Feliciano e que coordena as ações policiais na região, explicou que o efetivo local não é o suficiente para grandes ações de policiamento ostensivo/preventivo, mas que um reforço será solicitado e ações neste sentido já estão previstas para ocorrer em breve.

Neste sentido os prefeitos definiram que estarão marcando uma agenda urgente com a secretaria estadual de Segurança, a cargo do vice-governador, Ranolfo Vieira Júnior, para reivindicar o reforço do efetivo, mesmo que temporário, para que seja possível a realização de patrulhamentos nas cidades e comunidades do interior.

“O que estiver ao nosso alcance, será feito. O desrespeito e a desordem não podem continuar”, concluiu Szortyka.

Fonte: DonfaNews – Edição: Portal ClicR