Proposta que está sendo avaliada pela Secretaria Municipal de Saúde é semelhante à final da Libertadores, quando o estádio foi aberto para 10% da capacidade.

A Prefeitura do Rio avalia um pedido feito pela Conmebol para que a final da Copa América no Maracanã, no próximo sábado (10), tenha público. O jogo será entre Brasil e Argentina.

O G1 apurou que o pedido está sendo analisado pela Secretaria Municipal de Saúde e que foi feito nos moldes da final da Libertadores.

Na ocasião, em janeiro deste ano, foi permitido público de 10% da capacidade do estádio — ou seja, de 7,8 mil. Foi o primeiro jogo desde o início da pandemia com público em todo o estado.

Houve presença apenas de credenciados, sem a venda de ingressos, e de convidados. Um decreto estadual estipulou as medidas restritivas que foram necessárias, como:

  • Apresentação de exame do tipo PCR
  • Uso de máscara obrigatório
  • Checagem de temperatura

A reportagem entrou em contato com a SMS e com o Governo do Estado, mas ainda não obteve retorno.

Por Gabriel Barreira, G1 Rio