Na tarde de domingo, 16, a Polícia Rodoviária Federal flagrou um adolescente dirigindo uma motocicleta e rebocando outra na BR 116. Uma das motos não poderia estar rodando pois era de leilão e estava com a placa de outra.

Durante operação de fiscalização, os policiais abordaram uma motocicleta que rebocava outra moto, e constataram que os condutores eram dois menores de idade, ambos com 17 anos. Ao consultar os sinais identificadores dos veículos, foi verificado que a que estava sendo rebocada era de leilão e que a placa pertencia a outra de mesmo modelo.

A moto com a placa adulterada foi apreendida, e os adolescentes foram apresentados na polícia judiciária local. O veículo regular foi entregue para um condutor habilitado.

Por não possuírem habilitação, os adolescentes foram autuados pela infração de trânsito, e o proprietário da motocicleta em situação regular irá responder pelo crime de permitir a direção de veículo automotor a pessoa não habilitada. O ato infracional de adulteração de sinal identificador será apurado pela polícia judiciária.