A pré-candidatura a prefeito anunciada por Wagner Eymael, do PTB, ainda no final de maio, ganhou um reforço considerável na última semana quando o PDT e o PT declararam apoio ao jovem empresário e formaram um grupo de oposição que pretende conquistar o comando do Executivo Municipal nas eleições de novembro deste ano.

A vaga de pré-candidato a vice-prefeito deverá ser ocupada pelo vereador Vilson Pacheco Júnior, do PDT, que cumpre seu segundo mandato na Casa de Leis do município.

Já o PT integrará a aliança como apoiador e deverá capitalizar votos por meio da apresentação de pré-candidatos que concorrerão às vagas do Legislativo.

A definição da chapa e a escolha dos nomes, que ainda deverão passar por convenção partidária, ocorreu oficialmente na noite desta segunda-feira, 17 de agosto, quando, respeitando o distanciamento social, se reuniram lideranças dos três partidos para ajustar os últimos detalhes da aliança.