A vacinação de idosos contra a Covid-19 em Sentinela do Sul gerou críticas de moradores locais nas redes sociais, na tarde da quarta-feira, 17 de março, em virtude da estratégia adotada pela secretaria municipal de Saúde, que resultou na aglomeração de pessoas na fila, contrariando os protocolos de segurança que são estabelecidos para evitar a disseminação do vírus.

Já na manhã desta quinta-feira (18) a administração municipal emitiu uma nota reconhecendo a falha e se desculpando pelo ocorrido, além de informar que já foram tomadas medidas a respeito.

O secretário municipal de Saúde, Airton Stein, explicou que ocorreu um acúmulo de agendamentos para a aplicação da segunda dose da vacina e que as datas coincidiram com agendas da primeira dose. Este fato somado ao lockdown do último final de semana, ao número limitado de vacinas e ao desencontro de informações da secretaria fez com que muitas pessoas procurassem a unidade de saúde num mesmo momento.

“Assim que constatamos o problema prontamente tratamos de resolvê-lo e estamos organizando um novo fluxo de vacinação e divulgação das faixas etárias a serem imunizadas. Destacamos que o momento atual da pandemia, a sobrecarga de trabalho e o esgotamento de profissionais podem gerar fatos como os de ontem, mas podemos garantir que estamos trabalhando para evitar eventuais novas falhas”, ponderou.