Secretário de Saúde de Barão do Triunfo vê com preocupação o “descuido” da população

A sexta-feira, 27 de março, iniciou com mais movimento de pessoas nas ruas da cidade do que o considerado como sensato pela equipe municipal da saúde que trabalha incansavelmente para combater a propagação do novo coronavírus.

A observação é do secretário municipal de Saúde, Danio Salatti Amengual que teme que este descuido da população possa comprometer o trabalho de frear a disseminação da doença pra evitar um pico alto de contaminação e o colapso da estrutura pública de atendimento em saúde.

As restrições ao funcionamento do comércio no município seguem em vigor pelo decreto municipal que se baseia nas determinações do estado, mantendo liberados somente os estabelecimentos considerados como essenciais à população, contudo muitas pessoas continuam saindo de suas casas para procurar opções de compras e serviços na cidade, ignorando as orientações do próprio Ministério da Saúde.

“Temos reforçado o aviso para que fiquem em casa. Colocamos carros de som passando pelo interior e solicitamos o auxílio da Brigada Militar que tenta dispersar os grupos de pessoas nas praças e espaços públicos. Não dá pra descuidar. Precisamos nos manter em isolamento social neste momento”, reforçou o secretário.

Vacinação contra a Influenza

A equipe de saúde continua cumprindo roteiros pela cidade e interior indo até as casas para aplicar as vacinas conta a gripe nas pessoas do grupo de risco, sobretudo idosos e acamados. No final da tarde de quinta-feira (26) as atualizações davam conta que 412 idosos já foram vacinados atingindo 50,18% da meta de um total de 821. Também os trabalhadores em saúde estão no grupo prioritário e destes já foram vacinados 63 de um total de 67.

O secretário de Saúde garante que tem doses suficientes da vacina para todos dos grupos de risco e estima que se não houver nenhum imprevisto até a próxima quarta-feira, 1° de abril a meta tenha sido atingida. Neste dia a equipe deverá se reunir para avaliar o trabalho e conferir resultados.

A equipe de vacinação alerta ainda para que se alguém ficou sem a vacina na região onde já teve a campanha que ligue para a secretaria pelo telefone 51 3650-1071.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: