A polícia civil prendeu na manhã desta sexta-feira, 29 de janeiro, o secretário da Saúde do município de Amaral Ferrador, Luis Rogério da Silva por conta de sentença condenatória definitiva pelo crime de homicídio tentado, ocorrido em 2009. O secretário se apresentou na Delegacia de Polícia Civil local e foi conduzido para a casa prisional de Encruzilhada do Sul.

De acordo com os autos do processo disponibilizados pelo Ministério Público o crime ocorreu em 25 de abril de 2009, quando o secretário efetuou disparos de arma de fogo contra Marcos Roberto da Silva Vargas e Pablo Costas Freitas, que não resistiram aos ferimentos a balas e faleceram.

Ainda segundo o documento o fato ocorreu durante uma festividade na casa do prefeito municipal da cidade na época, onde as vítimas se encontravam com outras pessoas. Na ocasião foram soltos foguetes (fogos de artifício), quando na sequência o condenado apareceu no local e efetuou os disparos contra os dois homens.