A assessoria de comunicação do vereador de Camaquã, professor Claiton Silva (PDT), fez uma publicação nas redes sociais informando que o parlamentar precisou ser internado no hospital Nossa Senhora Aparecida na noite desta quinta-feira, 27 de maio, em função do agravamento do seu quadro de saúde em função do coronavírus.

De acordo com a publicação o procedimento se deu para que os profissionais da saúde possam fazer um monitoramento mais constante das condições de saúde do vereador, contudo, de acordo com os boletins médicos o quadro do paciente é estável e ele já segue os procedimentos do tratamento, não sendo necessária a intubação.

A esposa do vereador também estava em isolamento, contudo a nota divulgada não trouxe informações sobre seu estado de saúde.

Além de Claiton Silva os vereadores Ronaldo Ulguim (Progressistas) e Eva Rosi (PSDB) também foram diagnosticados com Covid-19, em Camaquã recentemente. Por conta dessa nova onda de contágio e visando a prevenção, a Casa de Leis decidiu por suspender temporariamente os trabalhos legislativos, mantendo apenas serviços essenciais em funcionamento.