A chuva veio com granizo em áreas isoladas na tarde desta terça-feira (09) na região Costa Doce e pelo interior dos municípios de Camaquã, Cerro Grande do Sul, Barão do Triunfo, Mariana Pimentel e Sertão Santana. Em algumas localidades a precipitação foi mais intensa e com pedras de grande diâmetro, comparadas ao tamanho de um ovo de galinha.

Alguns moradores destas localidades registraram o momento da chuva de pedras ou o rastro de estragos deixado pelo granizo que furou telhados de casas e destruiu plantações.

Em uma faixa que se estende do município de Camaquã a Cerro Grande do Sul

Em uma faixa que se estende de Santa Auta (Camaquã) até Cerro dos Camargos (C.G.Sul) o granizo passou deixando prejuízos. As fotos feitas pelo morador Everaldo dos Passos, de Cerro dos Toledos mostram o tamanho das pedras de gelo e o telhado perfurado em uma casa no Cerro dos Camargos.

O vereador Sergio Neumann, de Pessegueiros (C.G.Sul) também filmou o grande volume de granizo que se misturou com a brita no pátio da sua casa.

Em Barão do Triunfo, na Estrada do Mato Bier, o produtor de fumo Gustavo Souza viu a última apanha da sua lavoura de fumo de 8 mil pés ser quase totalmente aniquilada pelas pedras. Sua lavoura de soja também foi atingida, mas devido ao estágio de cultivo não sofreu perdas.

Também na comunidade de Mato Bier, já no município de Sertão Santana, a moradora Lisiane Petry filmou o temporal no pátio da casa onde estava e relatou que diversas lavouras de fumos foram atingidas na localidade.

No centro de Mariana Pimentel o granizo passou com menor intensidade, porém na Linha Dr. Inácio teve um grande volume que chegou se acumular nos gramados como registro a assessora de comunicação social do município Fernanda de Freitas.

Confira a o vídeo: