Na última segunda-feira, 14 de dezembro, um acidente envolvendo dois veículos no Km 326 da BR-116, em Barra do Ribeiro, culminou com a trágica morte da jovem marianense, Agnes Denise Kunde Hencke. A jovem conduzia um Fiat Uno e ao ingressar no asfalto seguiu pela contramão da via recentemente duplicada e acabou colidindo com um caminhão.

O acidente levantou questionamento na população sobre a sinalização no ponto de acesso à BR-116, sobretudo pelo fato que a duplicação da rodovia no trecho em questão foi liberada para tráfego de veículos no último dia 10 de dezembro gerando mudanças no trânsito. Antes quem acessava o asfalto a partir da ERS-711 com sentido a capital, fazia a conversão a esquerda diretamente após atravessar a primeira pista simples. Com a duplicação os motoristas precisam seguir para a direita (sentido Sul) pela antiga pista e fazer o retorno logo em seguida.

A mudança gerou confusão para muitos motoristas que estavam habituados com a pista antiga e simples e que reclamam da falta de uma sinalização mais evidente no local considerando o grande risco de acidente, a exemplo do que vitimou fatalmente a jovem marianense.

Após o acidente outros motoristas já foram flagrados transitando pela contramão, como mostra um VÍDEO PUBLICADO nas redes sociais, todavia por sorte não teve outro acidente.

Prefeitura pede providência ao Daer

O vice-prefeito de Mariana Pimentel, Betinho Golanski e o chefe de gabinete Gabriel Bolzan, estiveram no escritório da 3º Sub Região do Daer (Departamento Autônomo de Estradas e Rodagens) em Santa Cruz do Sul buscando providências imediatas e solicitando respostas sobre solicitações enviadas ao órgão.

Segundo os representantes do município, ambos foram recebidos pelo ngenheiro Leonardo Ribeiro, Superintendente Regional, que informou que o Daer não foi comunicado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Trânsito – DNIT, que o trecho seria liberado. Na ocasião, também foi relatado sobre o trágico acidente ocorrido na segunda-feira (14), que fez uma vítima fatal.

Segundo o Superintendente o departamento de sinalização do DAER será informado sobre a situação para que sejam tomadas as devidas providências, e enfatiza que o município não pode colocar nenhum tipo de sinalização no trecho por ser de responsabilidade exclusiva do Estado.

“Pedimos aos motoristas que trafegam no trecho que tenham bastante atenção, já existe sinalização provisória conforme as Regras Nacionais de Trânsito. O município vai continuar buscando soluções, mas precisamos que seja feito um esforço coletivo para que não tenhamos mais nenhuma tragédia” destacou Betinho.

Alterações no trânsito

Por conta da liberação do trecho duplicado de BR-116, ocorreram as seguintes mudanças:

SAIR: Automóveis que transitam pela RS-711 que vão sair de Mariana Pimentel com destino ao Norte (Barra do Ribeiro/Eldorado Guaíba/Porto Alegre) devem sair em direção ao Sul (Tapes/Camaquã) e fazer o retorno para o destino Norte. Um trecho de aproximadamente 500 metros até o retorno.

ENTRAR:  Quem vem do Sul para entrar em Mariana Pimentel deve passar pela entrada do município de Mariana Pimentel e fazer o primeiro retorno, continuar pelo lado direito até a entrada do município.

ENTRAR: Quem vem do Norte a entrada para Mariana Pimentel continua da mesma forma, pelo lado direito da via.