Um camaquense procurou a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento de Camaquã para registrar que foi vítima de um golpista.

A vítima relatou que recebeu uma ligação de um homem se passando por funcionário do Ministério da Saúde, dizendo que estava fazendo uma pesquisa sobre Covid e lhe fez algumas perguntas, então em dado momento a vítima recebeu uma mensagem de SMS com uma senha, a qual forneceu ao seu interlocutor a pedido dele, bem como também digitou a referida senha no celular.

O camaquense imediatamente perdeu o acesso ao seu aplicativo de Whats e em seguida o golpista já passou a se comunicar com os seus contatos pedindo dinheiro e se passando pela vítima.