A nona rodada do Campeonato Brasileiro não saiu nem perto do que a dupla GreNal gostaria no final de semana, mas o pior resultado foi o do tricolor gaúcho perdeu jogando na arena em Porto Alegre e que segue amargando a lanterna.

Na noite do sábado o Internacional enfrentou o Corinthians na Neo Química Arena e abriu o placar aos 35 minutos de jogo em mais uma cobrança de pênalti perfeita de Edenílson, que marcou 14 vezes nas últimas 14 cobranças que fez.

O Inter voltou bem na segunda etapa e chegou a pressionar o adversário, porém as mudanças do técnico Sylvinho deixaram o time paulista mais ofensivo que passou a atacar mais. Aos 34 o goleiro Daniel fez uma boa defesa, mas a bola sobrou para Jô empurrar para as redes e empatar o jogo.

No Inter a marcou a estreia de do lateral Paulo Victor, vindo do Botafogo e do atacante Juan Cuesta, colombiano formado na casa. O Colorado é o 14° colocado com 10 pontos.

Na partida do domingo a noite o Grêmio enfrentou o Atlético Goianiense na Arena em Porto Alegre e sofreu mais uma derrota no campeonato.

O tricolor gaúcho segue sem vencer no Brasileirão e tem apenas dois pontos conquistados com empates. Os resultados colocam o time na última posição da tabela.

O time Goiá veio para Porto Alegre com a proposta clara de jogar na defesa e explorar os contra ataques e por isso o Grêmio chegou a ter mais volume de jogo no primeiro tempo, mas concluiu pouco a gol e sem sucesso.

Aos nove minutos do segundo tempo a estratégia do Atlético deu certo e o lateral Dudu botou a bola pra área gremista onde encontrou o atacante Lucão para converter pro gol.

O restante do jogo foi controlado pelos visitantes. O Grêmio até atacou, mas sem criatividade e desorganizado.

A derrota rendeu a demissão do técnico Tiago Nunes. A direção já busca um novo treinador e os rumores apontam uma preferência por Luiz Felipe Scolari.