Moradores de Maravalha, localidade do interior de Sertão Santana, estão “ilhados” em uma parte do município por conta de uma ponte que quebrou no último domingo, 19 de maio e impede a passagem de carros pelo local.

O agricultor Carlos José Oliveira, o Neni, reclama que já esteve na prefeitura municipal solicitando providências, mas que a demora no atendimento está encodando as famílias que moram no local e que precisam passar pela estrada, visto que são produtores de fumo e precisam do trecho em dia para transportar a produção que está nos galpões.

Neni diz ainda que vem alertando as autoridades municipais há cerca de um ano da precariedade da ponte que já estava com a base ruída e dando sinais de que iria desabar, mas que nenhuma manutenção havia sido feita neste período.

“Ainda bem que não aconteceu nada pior, pois um caminhão podia ter tombado ali dentro. Do jeito que está agora nem um carro pequeno consegue passar. Já imaginou se precisamos sair às pressas pra levar alguém no médico?” questionou o morador.

De acordo com o secretário municipal de obras, Renato Bourget a madeira já está sendo preparada e o reparo da ponte deve ocorrer assim que o clima permitir.

“Já estamos na segunda semana de chuva e são muitos os locais que precisam de reparos, por isso estamos priorizando os pontos principais, mas pretendemos atender a todos de acordo com as nossas possibilidades”, afirmou o secretário.