Na tarde desta sexta-feira, 13 de dezembro, um grupo de professores simulou um cortejo fúnebre pelas principais ruas da cidade, em Cerro Grande do Sul, em protesto contra o pacote de medidas do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), que inclui a reestruturação da carreira do magistério, além do parcelamento dos salários que já somam quatro anos.

Assista: