Depois de longos 10 meses de espera, a ciência deixa sua marca na história, mais uma vez, e Mariana Pimentel recebe as primeiras doses da Vacina SARS -COV-2, nesta quarta, 20 de janeiro.

A cota repassada ao município foi de 75 doses,  10 aplicadas entre os profissionais da Saúde, nos profissionais que atuam na linha de frente de combate a COVID-19, e 65 para população indígena, vivendo em terras indígenas, grupos prioritários definidos pela Nota Técnica Estadual DVE/CEVS-RS/SES-RS, de 18 de janeiro de 2021.

Os primeiros profissionais imunizados pela responsável pelo setor de vacinação, Graciela Debom, técnica em Enfermagem com 21 anos de posto, foram escolhidos para simbolizar este momento, como um marco na luta contra a Covid-19. Os profissionais, Viviane Kobilinski, técnica em Enfermagem, com 23 anos de casa, servidora mais antiga do posto de Saúde, o médico Ulisses Magalhães, 12 anos de posto de saúde, com trabalho reconhecido na comunidade e a enfermeira Fabiane Makino, responsável pela coleta dos testes para detecção da Covid-19.

Dr. Ulisses, emocionado, disse que acredita que este momento é o passo inicial para uma diminuição significativa nas taxas de contaminação e complicações graves pela infecção causada pela Covid-19.

“Estou engajado nesse projeto de imunização junto ao Brasil e todos os meus companheiros de trabalho. Me sinto representando cada trabalhador da saúde. Essa emoção que sinto não é só por mim, mas pela esperança de dias melhores para todos nós. Através dessa vacina podemos ter nossas esperanças renovadas”, complementou.

O prefeito em exercício, Betinho Golanski, esteve presente no ato e lembrou da importância da vacinação para saúde da população. Ele fez um agradecimento a todos os presentes e ao trabalho que vem sendo feito pelos profissionais de saúde, os serventes, administrativos, recepcionistas, motoristas, seguranças, todos os técnicos, enfermeiros e médicos.

“Só temos agradecimentos para esta equipe que vem enfrentado com bravura e muito profissionalismo este momento tão difícil. Me sinto emocionado neste momento por saber que a vacina já chegou. Mesmo que sejam poucas doses podemos ter esperanças de que vamos conseguir vencer essa pandemia. Aguardamos ansiosos pela chegada da vacina para toda nossa comunidade”, colocou.

Para a segunda dose e os próximos passos, todos os municípios devem aguardar as orientações do Estado. O administrador municipal ainda alertou que por hora, os cuidados devem continuar, com o uso de máscara, lavagem de mãos, evitar aglomerações e se manter em casa, quem puder. Reforçou que a pandemia não acabou e que estamos no início do processo de imunizações, mas que de qualquer forma é uma grande vitória para todos os brasileiros.

Quanto aos idosos e pessoas com mais de 18 anos com deficiência, definidos no grupo prioritário, trata-se, no primeiro momento de idosos e deficientes residentes em instituições de longa permanência (ILPIs) e residências inclusivas, por exemplo, casas de idosos, lares para pessoas que necessitam de cuidados especiais. Cmo o município de Mariana Pimentel não possui nenhuma destas categorias, as doses foram definidas e enviadas pelo estado para atingir somente os profissionais da saúde e população indígena, cumprindo os percentuais estipulados para o primeiro momento.

Fonte e fotos: Ascom Pref. Mun. Mariana Pimentel | Edição: Portal ClicR