20.6 C
Cerro Grande do Sul
terça-feira, abril 23, 2024

Recuperação de tesouro “incalculável” em navio submerso

Tesouro, cujo valor é estimado em bilhões de dólares, está lá desde junho de 1708

 

O governo da Colômbia anunciou, nesta sexta-feira, 23, que em abril começará a extração de objetos de ‘valor incalculável’ que fazem parte do tesouro do galeão espanhol San José, submerso há três séculos no mar do Caribe.

Sete anos após a histórica descoberta do navio afundado ao longo da costa de Cartagena, as autoridades começarão a recuperar as peças debaixo d’água.

O tesouro, cujo valor é estimado em bilhões de dólares, está lá desde junho de 1708, quando o navio à vela foi emboscado e afundado por um esquadrão inglês. Entre abril e maio, será realizada uma ‘exploração de alguns materiais que estão superficialmente no leito’ do galeão para ver como reagem ao serem retirados da água e preparar a recuperação do restante dos bens.

Foto: COLOMBIAN PRESIDENCY / AFP

Os trabalhos custarão mais de 4,5 milhões de dólares (22,2 milhões de reais) e serão realizados com um robô que desce até 600 metros de profundidade, onde está o navio. Assim, ‘são extraídas sem modificar e sem agredir o pecúlio, algumas coisas que estão lá’, como cerâmicas, conchas e pedaços de madeira.

Os especialistas trabalharão a partir desse enorme navio da Marinha em um ponto no mar ainda secreto, para não alertar caçadores de tesouros e piratas sobre a localização da descoberta arqueológica, considerada uma das maiores da história colombiana.

Por: AFP

PUBLICIDADE
Redação CLICR
Redação CLICR
Serviços gerais

RELACIONADAS