Bombeiros evitam incêndio em residência no centro, em Arambaré

No início da noite desta quarta-feira (08) os Bombeiros Civis Voluntários (BCV) de Arambaré foram acionado para atender a um princípio de incêndio em uma residência no centro da cidade, ao lado de um depósito de materiais de construção.

A ação rápida dos agentes garantiu que a situação fosse controlada antes que as chamas se propagassem pela residência, o que poderia causar enorme prejuízo aos proprietários, além da possibilidade de atingir construções vizinhas e pôr em risco a integridade física de diversas pessoas.

De acordo com o bombeiro líder do grupo, Marcos Roberto Silva Peixoto, um descuido da dona da casa gerou o sinistro, visto que ao sair da residência ela deixou uma panela no fogo. A peça superaqueceu e acabou derretendo o cabo de plástico que caiu sobre o fogão, incendiou e produziu uma fumaça densa e escura, que assustou moradores.

Ao chegar no local e avaliar a situação os bombeiros perceberam que a fumaça emergia apenas do fogão, portanto decidiram não utilizar jatos de água, para não danificar outros utensílios doméstico e com o auxílio de equipamentos autônomos de respiração os agentes entraram na casa, isolaram o botijão de gás e removeram o fogão pra rua, controlando o sinistro.

Há cerca de trinta dias outro incêndio havia sido evitado pelo BCV. Desta feita no loteamento popular, onde numa residência a mangueira do botijão se rompeu durante o uso e gerou uma espécie de maçarico dentro da casa, lançando chamas indiscriminadamente. Em ação rápida os agentes chegaram ao local, quando conseguiram deligar o botijão e removê-lo, minimizando os danos e evitando uma tragédia maior.

Peixoto explica que diariamente é feita uma avaliação no caminhão Auto Bomba Tanque (ABT) e um checklist em todo o equipamento que ficam sempre preparados de modo a minimizar o tempo de resposta em casos de sinistros. No mesmo sentido, uma equipe permanece de plantão 24 horas por dia.

O bombeiro disse também que existe um estudo junto com a administração municipal para melhorar a logística do caminhão que atualmente não pode permanecer junto à base, na beira da praia, pela falta de acesso. Atualmente o veículo fica no pátio da prefeitura municipal, o que aumenta o tempo de ação em cerca de 5 minutos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios