Quem chegar ao posto de combustível para abastecer seu veículo nesta terça-feira, 06 de julho, terá mais uma desagradável surpresa ao pagar a conta.

Conforme anúncio da Petrobrás, ontem (05/07) um novo reajuste está sendo repassado ao consumidor. Os preços médios de venda de gasolina e diesel para as distribuidoras ficarão em R$ 2,69 e R$ 2,81 por litro, resultando em aumento de R$ 0,16 (6,3%) e R$ 0,10 por litro (3,7%), respectivamente.

O gás de cozinha também está mais caro, sendo que o preço médio de venda para as distribuidoras chegou a R$ 3,60 por kg, o que significa um reajuste de R$ 0,20 para a mais, ou 6% de aumento.

Este é o primeiro reajuste promovido pelo general Joaquim Silva e Luna, desde que assumiu a estatal em abril deste ano quando declarou que estava insatisfeito com os reajustes nos preços de combustíveis realizados pelo seu antecessor.

A Petrobras emitiu uma nota sobre a medida. Confira:

“Importante reforçar o posicionamento da Petrobras que busca evitar o repasse imediato para os preços internos da volatilidade externa causada por eventos conjunturais. Os preços praticados pela Petrobras seguem buscando o equilíbrio com o mercado internacional e acompanham as variações do valor dos produtos e da taxa de câmbio, para cima e para baixo.”