Um incêndio em uma serraria desativada, em Sentinela do Sul, mobilizou o Corpo de Bombeiros Voluntários de Tapes e o Corpo de Bombeiros de Camaquã, na noite desta segunda-feira, 22 de novembro.

O local com muita madeira, incluindo resíduos das serragens e o tempo seco contribuíram para que as chamas se propagassem rapidamente e tomassem grandes proporções, exigindo a ação efetiva e persistente dos bombeiros para evitar que as chamas chegassem até duas residências próximas.

Foram cerca de 4 horas de combate ao fogo e o uso de 20 mil litros de água até que o sinistro estivesse controlado.

Ninguém ficou ferido e a origem do fogo ainda é desconhecida.