Há menos de três anos da morte trágica do pequeno Bejamin Kramm, de apenas dois anos e meio de idade, que perdeu a vida em Mariana Pimentel ao se afogar em um açude, outra fatalidade semelhante deixou a comunidade marianense enlutada pela morte do garotinho Andreaw Silveira Lopes, da mesma idade, na noite deste sábado, 11 de setembro.

Conforme o sargento, Roberto Alves, da Brigada Militar de Mariana Pimentel, que participou das buscas, a família de Andreaw é de Guaíba e estava em visita a parentes na localidade de Boqueirão Alto, no interior do município de Mariana Pimentel. Segundo relatos da família ao sargento, o menininho estava entretido no pátio brincando com gansos, porém algum tempo depois os adultos sentiram falta da criança e passaram a procurá-la sem conseguir encontrar.

Já na sequência os familiares ligaram para os Corpo de Bombeiros de Guaíba, pois havia uma suspeita de que o menino poderia ter caído em um dos dois tanques de criação de peixe que existem no pátio.

A Brigada Militar recebeu o chamado dos Bombeiros por volta das 15h30min, quando foi informada do ocorrido e mobilizou uma equipe de reforço integrada por policiais da Força Tática do 31ºBPM, coordenada pelo sargento Pacheco, para auxiliar nas buscas.

O Grupo de Salvamento do Corpo de Bombeiros chegou ao local e se concentrou nas buscas em um tanque de irrigação, onde os gansos estavam. Após incessante trabalho no local, às 23h30min o corpo do menino foi encontrado já sem vida. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil de Camaquã.

Info e fotos: Sargento Roberto Alves / Edição Portal ClicR