Um homem suspeito de ser o autor de roubos a pedestres seguidos de agressões, foi preso preventivamente pela Polícia Civil, em Camaquã, na manhã desta sexta-feira, 15 de janeiro.

O preso é acusado de praticar pelo menos dois crimes na cidade, sendo o primeiro deles no dia 29 de setembro passado, quando a vítima da ocasião estava no banheiro da praça Zeca Neto, no centro da cidade quando foi surpreendida pelo indivíduo e outro homem ainda não identificado. Ambos teriam agredido fisicamente o pedestre, batendo com a cabeça da vítima em uma parede e subtraindo o telefone celular.

Outro crime cuja autoria recai no mesmo homem ocorreu em 11 de novembro passado, ocasião em que o criminoso abordou a vítima na Rua Bento Gonçalves e lhe aplicou socos e pontapés, quando também subtraiu seu dinheiro e telefone celular.

A investigação, realizada pela Delegacia de Polícia Civil de Camaquã, identificou o autor dos crimes e na ação desta sexta-feira (15) capturou e encaminhou o mesmo à casa prisional.