A partir de uma sequência de denúncias anônimas pelo canal na web disponível para tanto, a prefeitura municipal de Arambaré conseguiu identificar quais foram os jovens que promoveram uma festa particular clandestina durante o final de semana na cidade, contrariando os protocolos de segurança contra a Covid-19.

O setor de fiscalização municipal chegou também ao endereço, no bairro Costa Doce, onde o evento ocorreu e constatou serem verídicas as informações repassadas pelos denunciantes. Tratam-se de moradores de Camaquã, todos maiores de idade, que estavam em Arambaré durante o final de semana.

Além de oferecerem risco à saúde por estarem sem máscaras de proteção e aglomerados, conforme mostra a foto que circulou em redes sociais da internet, os jovens exibiam uma placa de sinalização pública retirada da orla da praia.

A fiscalização municipal registrou o boletim de ocorrência na Polícia Civil e os jovens poderão responder por crimes de dano ao patrimônio público e contra a saúde pública, com multas que podem chegar ao valor de R$ 75 mil.

A administração municipal informou que chegou a ser procurada por familiares dos jovens, mas reiterou que não deve intervir no caso uma vez que a denúncia está formalizada na Delegacia de Polícia Civil, além de que cabe ao órgão público tomar as medidas necessárias para que as determinações legais sejam respeitadas no município.