Por Simone T.B.M.V. Iamin – Eng. Civil e Segurança do Trabalho / CREA RS 206.176

Neste mês onde aprendemos que muitas vezes devemos recuar, e não deve ser encarado como uma derrota, e sim como aprendizado por não querer acreditar que momentos difíceis podem se tornar piores, como ignorar o inimigo da pandemia.

Mas somos fortes, e mesmo numa derrota tão triste conseguimos nos levantar e seguir em frente para enfrentar todas derrotas de perdas de pessoas que eram tão fortes como nós, nos perguntamos porque muitas vezes na vida temos que aprender com a dor, com a irresponsabilidade de muitos, e mesmo estes que erraram estão sendo castigados com uma dor irreparável de perda de seus amados… E nessa semana, que inicia com o Dia Internacional da Mulher, assistimos a dor delas em não estarem podendo se despedirem de seus familiares, amigos e seus avôs que as ensinaram a serem corajosas, lutadoras e guerreiras.

Essa mulher que enfrentando muitos inimigos a décadas, como a fome, desemprego, indiferença social, preconceito, a luta por direitos iguais na sociedade em que vivemos e nos tornar seres fortes e com o coração aberto para dar conforto, acalentar nos momentos difíceis, doar-se ao aproximo com toda ajuda necessária na hora do sofrimento, dando apoio à levantar-se com coragem para que todos juntem forças para continuar a luta.

Mulher, esta autora e autoridade de todo bem, com uma estrutura emocional tão forte, que mesmo que as lágrimas caiam e seu corpo trema de dor, se levanta, se ergue com mais coragem, mais força, mais e muito mais amor para doar e dividir, dando a esperança de um novo normal de vida, seja enfrentado com humildade, doação, reflexão e conscientização. E que venha um novo tempo de muita paz interior para que essas mulheres na sua luta nunca desistam de lutar e enfrentar qualquer inimigo que venha surgir em nossas vidas.

Meu Deus, abençoe, ilumine e guie todos os passos dessas Guerreiras Mulheres Divinas que são Mães, Esposas, Avós, Tias, Amigas, Colegas de Trabalho, dedicadas Profissionais em todas as áreas e a todas elas mulheres que estão na frente do Combate a Covid, fazendo de tudo para salvar as vidas de nossos filhos, maridos, namorados, pais, avós, e nossas crianças. Talvez este Dia não seja de tanta festa, mas vamos nos juntar e fazer orações, pensamentos positivos e, principalmente afastamento social respeitando os protocolos para que o amanhã não seja de perda delas. Feliz Dia e Semana da Mulher, nossas Guerreiras.